Erro de Lógica ou de interpretação?

Quando observamos uma obra arquitetônica magnífica ou um quadro lindo, imaginamos que o autor da obra seja muito bom, mas o que imaginar do autor do universo e da natureza com sua harmonia e perfeição? Sempre tive uma dificuldade de aceitar a teoria dos meus amigos ateístas sobre o surgimento do universo como um acaso, por uma simples razão, o acaso não cria ou é mantido por leis, vamos fazer um experimento para acompanhar essa lógica.


Se pegamos 10 moedas iguais, numera-las de 1 a 10 e as colocar no bolso, a possibilidade de você retirar do seu bolso a moeda número 1 é de 1 em 10 tentativas, até aí está fácil, mas se sempre colocarmos a moeda de volta quando retirada, e tentarmos fazer uma sequência, aí complica, pois para retirar a moeda 1 seguida da moeda 2 teríamos a probabilidade de 1 em 100 tentativas, a sequência de moedas 1,2 seguida da 3 teria a possibilidade de 1 em 1000 tentativas. Se seguimos tentando a sequência da moeda 1 até a 10 a possibilidade é de 1 em 10.000.000.000 tentativas.



Quando olhamos a natureza repetindo todos os dias por bilhões de anos os mesmos fenômenos e sendo regidas por leis, fica difícil acreditar no acaso, pois estaríamos dando uma inteligência para ele. Por isso acredito que exista um “Supremo Autor”, mas não com características humanas e sim algo ainda longe da nossa compreensão. Quando falo “ele” para se referir ao “Supremo Autor”, é só por causa da limitação do nosso meio de comunicação.


Mas sendo esse “Supremo Autor”, que chamamos de Deus, perfeito, por que “ele” criaria algo imperfeito? Sendo mais específico, por que o ser humano, sendo sua criação, é imperfeito? Deus se enganou? É difícil aceitar que tenha se enganado pois não existe passado ou futuro para ele somente presente.



A Bíblia menciona que somos feitos a imagem e semelhança de Deus (Gênesis 1:26) mas o nosso egoísmo faz achar, o inverso, que Deus foi feito a nossa imagem e semelhança, por isso que ainda achamos que Deus pune ou recompensa, quando na realidade Deus Ama, ou seja Deus harmoniza através da sua manifestação em nós, a nossa Essência Divina.


A manifestação de Deus em tudo é que imprime o que conceituamos de evolução, agindo como um íma irresistível a atrair tudo para a sua harmonia perfeita; durante esse processo é natural que as formas limitadoras sejam destruídas e renovadas até não serem mais necessárias.


Somos todos Seres Divinos em essência vivendo experiências materiais e tudo que passamos são etapas nesse caminho de relembrar o que nós somos em essência.
Por isso nunca desista!! Pois o objetivo da vida, não é acumular coisas perecíveis e sim brilhar a própria Luz Interior!!!

Anjo com Amnésia... Lembre-se da sua Essência.